Núcleo do IAB em Rio Grande promove Prêmio Memória da Arquitetura

Data: 18/08/2016
Fonte: Sabrina Ortácio

O Núcleo da Cidade de Rio Grande do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB RS) promoveu o 11º Prêmio Memória da Arquitetura em parceria com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Sul (CAU/RS). A Catedral de São Pedro, templo religioso mais antigo do Rio Grande do Sul, foi escolhida para sediar a entrega do Prêmio na noite do dia 17 de agosto, Dia Nacional do Patrimônio Histórico.

O Prêmio Memória da Arquitetura foi instituído pelo núcleo Rio Grande do IAB RS para distinguir profissionais e empresas que tenham contribuído com a preservação do patrimônio arquitetônico. Nesta edição, os premiados são o engenheiro Claudio Renato Rodrigues Dias e a empresa Unicred Integração - Unidade Rio Grande.
 

A premiação

O Prêmio Memória da Arquitetura é oferecido pelo Núcleo Rio Grande do IAB RS, em conjunto com a Associação Pró-Preservação do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural da cidade do Rio Grande (APHAC), Secretaria do Município da Cultura, Sociedade de Engenheiros e Arquitetos do Rio Grande (Searg) e o Conselho Municipal do Patrimônio Histórico.

Aproximadamente um mês antes da cerimônia, os representantes dos grupos citados se reuniram e decidiram os premiados por merecimento. O engenheiro Cláudio Rodrigues Dias e a empresa Unicred receberam como homenagem um troféu e um diploma. Além das categorias citadas, o prêmio também presta anualmente reverência a um “prédio destaque” - este podendo ser um local preservado ao longo dos anos ou restaurado.
 

Destaques

O prédio escolhido como destaque na edição deste ano é o Palacete Trajano Lopes, localizado na rua Luiz Lorea e datado do século XIX, que atualmente se encontra em processo de restauração. Além do motivo da restauração, o prédio também foi escolhido por ter sido propriedade de um dos destaques políticos da história rio-grandina, o próprio intendente Trajano Lopes.

Além da premiação, a cerimônia também contou com um coquetel, ainda nas dependências da Catedral de São Pedro, com a presença do Coral Municipal de Rio Grande. Segundo o arquiteto Oscar Décio Carneiro, membro do Núcleo Cidade do Rio Grande do Instituto de Arquitetos do Brasil: “A premiação é uma forma de destacar pessoas e entidades que trabalharam pela conservação do patrimônio histórico da cidade e também de apreciar esse patrimônio”.

O arquiteto também conta que a Catedral de São Pedro receberá um azulejo para marcar o acontecimento do evento no local. Segundo ele, a ideia dos azulejos surgiu no ano passado, quando foram colocadas as placas cerâmicas em todos os outros lugares que sediaram as 10 edições do evento.
 

Mês do Patrimônio
Além da premiação, o Núcleo Cidade do Rio Grande do Instituto de Arquitetos do Brasil, em parceria com o Centro Municipal de Cultura, a Universidade Federal do Rio Grande (Furg) e o Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, tem promovido agosto como o Mês do Patrimônio Histórico na cidade. Ao longo das semanas, estão ocorrendo exposições fotográficas e artísticas no Partage Shopping Rio Grande, além de uma mesa redonda na Livraria Vanguarda. Também ocorrerá o lançamento de um livro de poesias, no dia 27 deste mês, intitulado Exerção, da arqueóloga e geógrafa Aline Bastos Mendes.